Sobre Nós

LEO Clube Arvorezinha

Fundação: 30/11/1996

Executiva: 

Presidente: Valentina Dall'Agnol Roman

Vice-Presidente: Eduarda Marcon Zatt

Segundo Vice-Presidente: João Pedro Balbinot Reck

Secretários: Luiz Henrique Pedroso Picoli e Luana Rossi

Tesoureiros: João Pedro Balbinot Reck e João Vitor Livinalli da Silva

Lions Clube Patrocinador: Lions Clube Arvorezinha 

LEO Clube Padrinho: LEO Clube Soledade 

Lema do clube AL 22/23: Coletividade em harmonia 


Sede de Eventos: 

XII SEDEL DA REGIÃO C – AL 2012/2013 

XVI ACAMPALEO E III RCD DO DISTRITO LEO L D-7 – AL 2014/2015 

XXXIV CONFERÊNCIA E IV RCD DO DISTRITO LEO L D-7 – AL 2022/2023

 

História da cidade:  

Seu primeiro nome foi Alto da Figueira, ou, Figueira, e existem duas probabilidades ao nome. A primeira refere-se ao nome do primeiro morador da comunidade, o senhor Lino Figueira. A segunda refere-se a árvore de espécie Figueira que existia ao lado da igreja matriz. Com o decreto do governo logo mais tarde, que dizia que dever-se-ia extinguir nomes iguais em municípios, criou-se então Arvorezinha, que ainda se referia a pequena figueira ao lado da igreja no topo do morro, mas que era única. Arvorezinha é conhecida como uma das cidades que mais produz erva-mate no mundo e para festejar a maior economia do município, o nosso “ouro verde”, acontece a Femate (Festa Nacional da Erva-mate), contudo, a cidade recebeu o título de Terra da Erva-mate e do Melhor Chimarrão. Arvorezinha também é conhecida pelo forte trabalho de incentivo e fomento à cultura, realizando há mais de 30 anos, o Natal no Morro, o Maior espetáculo sacro-natalino do Rio Grande do Sul,  aos pés do Morro da Matriz São João Batista construída pelo arquiteto italiano Angelo Fontanive e bordado pelo azul das hortênsias. Por isso, a cidade também recebeu o título de Capital da Cultura do Vale do Taquari. O município ainda é conhecido por suas inúmeras belezas naturais, bem como, o Cânion Perau do Facão, Perau de Janeiro, Parque das Araucárias, seus verdes ervais, entre outros belos pontos turísticos patrimoniais de Arvorezinha. A cidade ainda conta com sua culinária inigualável, seus doces caseiros, como o Jaracatiá que é patrimônio imaterial de Arvorezinha, seus museus históricos, singelas capelas, antigos moinhos e ladrilhos de dar inveja. Com vocês, Arvorezinha!

Número de habitantes: 11 mil

Prato típico: Jaracatiá

Distância da capital Porto Alegre: 203,3 km