Resiliência

Voltar para Posts

Resiliência

Alguns calculam detalhadamente cada parte de sua rotina, outros preferem destinar tais momentos ao acaso, mas, mesmo dentre tantas particularidades, todos nós temos algum plano de vida, uma meta, um sonho.

O que não planejamos é que nossos sonhos sejam interrompidos por situações que fogem do nosso controle. Somos humanos. Gostamos de ter poder sobre tudo o que acontece. Queremos controlar tudo o que nos cerca. Quando, de repente, percebemos que não somos tão poderosos assim. Não decidimos o que acontece com nossa própria vida. Podemos ter vários planos, mas nunca uma garantia.

Nessa vida incerta, onde somos tão pequenos, apenas estão seguros os que compreendem que empecilhos existirão, que em alguns momentos a fé se perderá, virão dias de fraqueza, nada será para sempre e nem todos ao seu redor querem realmente o seu bem.

Cada um desses momentos, dos mais simples aos mais dolorosos, exigem um conjunto de virtudes que vão além da força e da fé, exigem que você admita quão pequeno você é. Exigem adaptações, mudanças de planos. Tudo isso para mostrar que um ser pequeno precisa ter atitudes grandes.

Mas de uma coisa temos certeza: somos fortemente capazes de enfrentar e nos adaptar às mudanças e, frente a tantas dificuldades, evoluímos.

Passamos grande tempo de nossos dias planejando tudo o que queremos alcançar e ser quando, na verdade, o que mais precisamos é ser resilientes, virtude essa que nos permite viver sem medo das mudanças e acreditar que cada uma delas nos traz novas chances de prosperar.

 

C.LEO Laura Bonavigo
LEO Clube Ronda Alta

Compartilhar publicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 + 16 =

Voltar para Posts